Vendas (11) 5081-7151 Suporte (11) 9 8231-5331
  • Software de VFC
  • Software de VFC
  • Manobra de Valsalva
  • Espectrograma
  • Ritmograma

Software de Variabilidade
de Frequência Cardíaca

  • Exame do tônus vegetativo pela análise da VFC (domínio do tempo e domínio da frequência) de acordo com a Norma Internacional de 1996.
  • Respostas a estímulos padronizados com análise de testes de reflexo cardiovascular com cálculo automático de índices padronizados de reatividade vegetativa.
  • Diagnóstico de neuropatia autonômica diabética e alcoólica com o uso de testes de reflexo cardiovascular.
  • Equilíbrio vegetativo e exame de esforço psicoemocional por análise cruzada do rítmo da respiração e variabilidade da frequência cardíaca.

Registro Anvisa: 80969860002

Solicitar Orçamento

Sistemas Compatíveis



Neuron-Spectrum-3



Neuron-Spectrum-4/P



Neuron-Spectrum-4/EPM



Neuron-Spectrum-5



Skybox



Neuro-MEP-Micro



Neuro-MEP



Neuro-EMG-Micro



Poly-Spectrum-8/E



Poly-Spectrum-8/EX

Recursos

As duas últimas décadas testemunharam o reconhecimento de uma relação significativa entre o sistema nervoso autônomo e a mortalidade cardiovascular, incluindo morte súbita cardíaca. Evidências experimentais para uma associação entre a propensão para arritmias letais e sinais de aumento da atividade vagal simpática ou reduzida aumentaram os esforços para o desenvolvimento de marcadores quantitativos da atividade autonômica. A Variabilidade de Frequência Cardíaca (VFC) representa um dos marcadores mais promissores.

Em 1996, a Sociedade Europeia de Cardiologia e a Sociedade Norte Americana de Estimulação e Eletrofisiologia constituíram uma Força Tarefa que desenvolveu e publicou “Padrões de Medição de Variabilidade da Frequência Cardíaca, Interpretação Fisiológica e Uso Clínico”.

Existem três abordagens de mensuração da VFC: análise no domínio do tempo, análise no domínio da frequência e respostas a estímulos padronizados (testes de reflexo cardiovascular com bateria padrão de testes de acordo com D. Ewing). As duas primeiras abordagens listadas acima estão descritas no Standard 1996, e a última é dada em detalhes nas publicações de D. Ewing, que propôs usar a bateria padrão de testes de reflexo cardiovascular.

Esses simples testes não invasivos de reflexo cardiovascular tornaram-se o padrão ouro pelo qual uma neuropatia autonômica é diagnosticada objetivamente, e pela qual outros testes são julgados. Seu uso foi pioneiro na avaliação do diabetes, mas eles estão sendo usados ​​cada vez mais em uma série de outras condições nas quais se suspeita de dano autonômico.

Tem alguma dúvida? Pergunte aqui!

      Contato

      • Vendas (11) 5081 7151
      • Suporte (11) 5081 7024
      • contato@kandel.com.br

      Escritório Comercial

      • Rua Vergueiro, 2253, CJ 1406
      • Vila Mariana - São Paulo - SP
      • CEP 04101-100

      Centro de Distribuição

      • Rua Duque de Caxias, 128, SL 4
      • Centro - Serra Negra - SP
      • CEP 13930-000

      Redes Sociais